Carta aberta à população de Porto Alegre: como queremos nosso Cais Mauá?

ocupa-cais-maua-post-coverAcreditamos que é direito da população participar e estar ciente dos processos que envolvem os espaços da cidade. Assim, convocamos os leitores a se posicionarem sobre o assunto, porque é sabido que, em nome do interesse público, a pressão popular é uma importante arma. Continuar lendo →

Carta aberta ao jornalismo alternativo

un-women-ad-campaign-post-coverO irônico é que estes nossos colegas não se encaixam no estereótipo do homem machista agressor de mulheres, totalmente insensível às injustiças e desigualdades que atravessam o social. Pelo contrário, são homens de esquerda, supostamente libertários, muitos inclusive afirmam que são feministas. Continuar lendo →

Hélio Paz: não dissemine a maldade achando que a está criticando

Não compartihei, nas redes sociais, nenhum dos memes sobre a suposta saída de "Bobão" do Brasil depois da reeleição da presidenta Dilma e não compartilharei, assim como não repercuto as sandices de Mervais, Constantinos et caterva. Porque compartilho, isto sim, da opinião do professor Hélio Paz, de que não se deve dar mais visibilidade à maldade. Continuar lendo →

Arnaldo Marques: as diferentes noções de justiça social

texto-arnaldo-marques-post-coverAécio e Dilma, mais do que dois projetos de país, representam antes de mais nada duas concepções de justiça social. A base dos eleitores ideológicos de Aécio acredita que a pobreza no Brasil é justa. A base dos eleitores ideológicos de Dilma acredita que a pobreza no Brasil é injusta. Continuar lendo →

Pablo Villaça: Carta aberta a quem tem menos de 25 anos

E aí fiquei pensando. O que pode ter acontecido pra que esse conservadorismo aparente tivesse tomado conta da juventude? Seriam os novos jovens mais egoístas do que os da minha época? Claro que não. A juventude respira generosidade se tiver permissão e contexto. É isso. Faltam permissão e contexto. Um tiquinho de paciência e já explico. Continuar lendo →