Sérgio Amadeu: Microsoft colabora com a espionagem norte-americana

Sérgio Amadeu: Microsoft colabora com a espionagem norte-americana

No vídeo a seguir, o professor doutor Sérgio Amadeu[1] explica como a Microsoft colabora com o esquema de espionagem das agências governamentais dos Estados Unidos.

“Leia com atenção o que a Microsoft diz sobre qual tipo de privacidade ela garante aos usuários do seu sistema operacional, Windows. [Lendo a política de privacidade do Windows 8:] ‘A Microsoft pode acessar e divulgar informações sobre você, incluindo o conteúdo de suas comunicações‘. A Microsoft também diz claramente que ela manda esses dados para sua matriz nos Estados Unidos.”

Não importa que você não concorde com esse ou outros trechos da Política de Privacidade ou dos Termos de Uso da Microsoft. O simples fato de utilizar o Windows — independente do software ter sido comprado legalmente ou pirateado — significa que, para todos os fins jurídicos, você concorda com os termos e autoriza o envio de suas informações, incluindo todos os seus emails, chats e quaisquer outras comunicações, para a matriz da Microsoft — que cede todas essas informações às agências do governo norte-americano.

Link para a apresentação mostrada no vídeo: compartilhada no SlideShare.

“Há uma alternativa?”

Para substituir o Windows, sim. Utilize uma distribuição Linux! 😉

[1] Sérgio Amadeu é professor da Universidade Federal do ABC, currículo Lattes.

Receba os posts do blog em seu email!


2016-10-04T23:53:45+00:00 julho 2013|Tecnologia, Internet e Comunicação|

Deixar Um Comentário