Desenvolvendo um novo template para o blog

Faz um pouco mais de um ano que estou usando o tema Avada aqui no blog. Considerei mantê-lo, fazendo alterações na parte visual do blog, ou trocá-lo por algum outro. Brigde, Newspaper, BeTheme são alguns dos que já utilizei em outros projetos, ou ainda explorar novos templates.

Pensando se valeria a pena gastar para comprar um novo template, cheguei à conclusão que, além da vontade de mudar o blog, tenho sentido falta da liberdade de programar eu mesma algumas dessas mudanças. Atualmente, uso um tema filho para as customizações que inseri no site, mas isso não é suficiente.

Temas como os que mencionei atendem a um propósito: facilitar a customização de sites WordPress para quem não é desenvolvedor. Por outro lado, eles poluem muito o dashboard do WordPress inserindo itens desnecessários, sem a opção de desativá-los, também enchem o banco de dados de lixo. Isso mesmo: LI-XO.

Considero a hipótese de que, de fato, possa ser necessário inserir montes de meta dados devido a complexidade do gerenciamento das opções disponíveis. São informações, entretanto, que não creio que sejam removidas por esses temas ao desativá-los. Então todo o excesso de meta dados vira, efetivamente, lixo poluindo o banco de dados do WordPress quando o tema não está mais presente.

Para resolver a questão, a partir de algumas ideias, já comecei a desenvolver um novo template para o site.

Deixe seu comentário